Após ‘foguetório’ de facção, lojas de fogos de artifício são fechadas em Manaus.

Após ‘foguetório’ de facção, lojas de fogos de artifício são fechadas em Manaus.

Equipes da Central Integrada de Fiscalização (CIF) realizaram na sexta-feira (11), uma fiscalização em 15 lojas de fogos de artifício em Manaus. 

Confirme informações do delegado Felipe Lago, do Departamento de Atividades Policiais (DAP), o objetivo da ação é dar uma resposta para a sociedade após o ‘foguetório’ em Manaus, ocorrida na noite de quinta-feira (10).

Participaram da CIF, os agentes da Secretaria de Segurança Pública do Amazonas (SSP-AM), Secretaria-Executiva-Adjunta de Inteligência (Seai), Secretaria Executiva Adjunta de Operações (Seaop), Polícia Militar do Amazonas (PM-AM), Polícia Civil do Amazonas (PC-AM), Corpo de Bombeiros do Amazonas (CBMAM), Instituto de Defesa do Consumidor (Procon-AM) e Secretaria de Estado da Fazenda do Amazonas (Sefaz-AM).

“O objetivo da CIF de hoje foi uma determinação do secretário de segurança pública, que após os eventos de ontem, acionou a equipe e todos os órgãos integrados que fizessem a fiscalização por parte das empresas e lojas que trabalham com a venda e comercialização desses produtos”, disse o delegado Felipe Lago, do Departamento de Atividades Policiais (DAP).

Os estabelecimentos Fogueteria Goiás, João Chamma e Renato Chamma, foram autuados e fechados pelo Corpo de Bombeiros do Amazonas (CBMAM) e pelo Instituto de Defesa do Consumidor (Procon-AM) por irregularidades.

redacao_maloca maloca

redacao_maloca maloca

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *