Dia Mundial do Hip Hop

Dia Mundial do Hip Hop

O dia 12 de novembro, é celebrado o Dia Mundial do Hip Hop, movimento cultural surgido no Bronx, gueto nova-iorquino, na década de 1970. A sonoridade do Hip Hop carrega a influência de uma grande diversidade estilos musicais, a maioria de origem negra, como o funk, o rock, o blues e o reggae.
O Disc Jokey (DJ) que começou a definir o perfil do Hip Hop foi o jamaicano Clive Campbell, mais conhecido como Kool Herc. Influenciado pela cena sound system de Kingstown, sua terra natal, o “pai do Hip Hop” organizava festas nos quarteirões do Bronx, chamadas de block parties, em que começou a realizar experimentações com vinis, isolando a parte instrumental do disco, o que ficou conhecido como break, e alternando de um break para outro constantemente, o que formou a base da música Hip Hop.
Na cidade de Manaus, o break também foi o primeiro a ser apreciado. Dizem que o primeiro pensamento e o mais sustentado, é de dois B-Boys estrangeiros que desenvolveram o break na cidade. E a segunda conta com a chegada do filme “Beat Streat” (1984), onde os telespectadores assistiam o longa e saiam do cinema direto para a danceteria (local de dança), nesse lugar os manauaras tentavam imitar os movimentos dos atores.
Movimento Hip Hop Manaus em 1984, a cultura influencia na luta social contra o racismo, homofobia e xenofobia e frisa ainda que o rap é um agregador de culturas.
Apesar da relação entre o comércio que vem sendo criada com Hip Hop, onde o movimento desapega do lado de mensagens críticas, principalmente para o público jovem, como é em sua essência, em um mesmo nível a cada ano a cultura vem sendo mais reconhecida. Nesses 48 anos, o Hip Hop mostrou-se como um gigantesco propagador de oportunidades, informação e crítica social. Não é à toa que muitos amantes da cultura dizem que o movimento salvou suas vidas e que torcem para que o Movimento Hip Hop Manaus cresça e se fortaleça com o passar dos anos, construindo opiniões e possibilitando novos caminhos.
A cultura Hip Hop vem demonstrando cada vez mais evoluída. Em Manaus não está sendo diferente, a cada dia tá tendo seu espaço. Disse
Viva o Hip Hop! Viva a cultura de rua!
De Vumbora Produção, 12Nov., 2021| Dia Mundial do Hip Hop
Facebook| Carapanã Djing |Rodrigo Teixeira

PRODUÇÃO : VUMBORA PRODUÇÃO
Foto : Rodrigo Teixeira
Imagem: Carapanã DJ

redacao_maloca maloca

redacao_maloca maloca

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *