Moradores de Mojuí dos Campos realizam caravana voluntária para doar sangue

Moradores de Mojuí dos Campos realizam caravana voluntária para doar sangue

Em mais um dia de compromisso marcado com a solidariedade, a caravana de voluntários do município de Mojuí dos Campos, embarcou rumo ao Hemocentro Regional de Santarém, nesta última quarta-feira (26). Após cerca de 1h de viagem de ônibus, o grupo chegou com disposição para fazer o bem. No total, 48 bolsas de sangue foram doadas. 

Jucilene Mendonça dos Santos, 52 anos, uma das mais antigas doadoras de sangue de Mojuí dos Campos, diz que começou a doar porque já passou por uma enfermidade que necessitou de transfusão. “Só quem precisou, sabe da importância de ter bolsas de sangue em estoque. É muito prazeroso estar bem e ter a possibilidade de ter saúde para doar. Doar sangue é doar vida para um ser humano que está necessitado”, afirmou.

Desde 2010, chegando a 21ª edição, a campanha é formada por moradores de Mojuí dos Campos, Oeste  Paraense, que se juntam e realizam a viagem para doar sangue. “Cada vez o número de doadores cresce e graças a Deus isso só nos deixa orgulhosos por conseguirmos ajudar ao próximo”, destacou Aurenice Nunes, coordenadora da ação.

Com essa ajuda, o Hemocentro de Santarém conseguiu alcançar o nível satisfatório para atender a demanda hospitalar que é diária e ininterrupta. As caravanas solidárias são essenciais para ajudar no estoque de sangue das unidades do Hemopa por todo o Pará. 

A doação de sangue é um ato simples. O cidadão precisa seguir os critérios básicos:

•          Ter entre 16 e 69 anos (menores de idade devem estar acompanhados do responsável legal);

•          Pesar mais de 50 kg

•          Estar em boas condições de saúde.

No momento do cadastro, é obrigatório apresentar um documento de identificação oficial, original e com foto (RG, CNH, passaporte ou carteira de trabalho).

Quem teve Covid-19 também pode voltar a doar sangue, só precisa esperar 30 dias após a cura. Quem teve contato com pessoas que tiveram a doença deve esperar 14 dias, após o último contato.

Para quem recebeu a vacina Coronavac/Butantã, são 48 horas de inaptidão para doação de sangue, após cada dose. Já a vacina AstraZeneca/Fiocruz, são 7 dias, após cada dose. Se o candidato à doação de sangue não souber qual imunização fez, só poderá voltar a doar sangue, após 7 dias.

O Hemocentro Regional de Santarém fica na Avenida Frei Vicente, 696, entre as Alameda 30 e 31 (Aeroporto Velho). O atendimento é de segunda a sexta, de 7h às 13h.
Contato: (93) 3524-7550.Por Anna Cristina Campos (HEMOPA)

redacao_maloca maloca

redacao_maloca maloca

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *